A busca pela prática de exercícios físicos está vinculada a vários objetivos diferentes como o emagrecimento, o ganho de força, o desenvolvimento da musculatura e o condicionamento físico. Mas o que poucos sabem é que o desempenho de atividades físicas regulares melhora — e muito! — as habilidades motoras.

A coordenação é melhorada por meio dos treinos de diversas maneiras, mesmo quando ela não é o foco dos exercícios. Para entender melhor como aperfeiçoar suas habilidades, continue a leitura.

Faça exercícios físicos regularmente

A prática de atividades físicas com frequência cumpre funções essenciais para a saúde do corpo e da mente, por isso, ela deveria perdurar por toda a vida. Engana-se quem pensa que apenas crianças podem desenvolver e aprimorar suas habilidades motoras e reflexos.

Adolescentes, adultos e idosos também são capazes de melhorar a coordenação e a flexibilidade com exercícios que são categorizados da seguinte forma:

  • Coordenação motora grossa: nesse caso, o treino foca, geralmente, em atividades como correr e pular. Isso envolve vários músculos maiores a partir de combinações de exercícios;
  • Coordenação motora fina: dessa maneira, o treino é voltado a musculaturas menores, como mãos e pés. Alguns exemplos de atividades são desenhar, pintar, deslocar objetos, com o intuito de realizar pequenos e leves movimentos.

Trabalhe a coordenação motora gradativamente

O ganho de habilidades motoras deve ser alcançado de forma gradativa e eficiente. Assim, deve-se iniciar o treino com atividades simples e leves, acrescentando, aos poucos, a exigência de força e níveis maiores de dificuldade.

Com um progresso contínuo, o praticante alcançará graus de complexidade e perceberá resultados gratificantes de flexibilidade, de força e de coordenação.

Veja esse exemplo de série de exercícios que trabalha gradativamente essas técnicas:

  1. corra em linha reta até um ponto determinado e volte andando;
  2. corra novamente até a marca e volte no mesmo ritmo;
  3. agora, coloque pequenos cones no caminho aumentando a altura das passadas;
  4. aumente a distância do trajeto e acrescente obstáculos e movimentações (flexões, saltos e agachamento, por exemplo) formando um grande circuito.

O simples fato de correr exige do corpo fôlego e resistência, enquanto a dificuldade aumenta com os obstáculos e o equilíbrio passa a fazer parte do treino. Essas atividades, em combinação, melhoram a coordenação motora de um jeito rápido e seguro. 

Essas sequências de exercícios, entretanto, devem ser elaboradas e acompanhadas por um profissional da área para que o praticante atinja resultados satisfatórios. 

Tenha em mente os benefícios de praticar atividades físicas

O trabalho físico realizado em academias convencionais, treinos funcionais, natação e outros esportes faz mais do que deixar o praticante em forma. Ele desenvolve todo o corpo simultaneamente, uma vez que se concentra no bom funcionamento do sistema nervoso, respiratório e até na produção de hormônios.

Portanto, quem mantém uma rotina de exercícios regulares, normalmente, sente-se mais disposto para cumprir tarefas do dia a dia. Com o desenvolvimento de habilidades motoras, isso não é diferente, porque ela está sempre acompanhando esses exercícios e otimiza a performance do atleta em diferentes modalidades.

Então, se você deseja melhorar seu condicionamento físico por completo, basta se exercitar regularmente. Combine os vários meios de treinos disponíveis nas academias, alimente-se bem e tenha uma vida saudável!

Pronto para melhorar suas habilidades motoras com exercícios físicos? Então, complemente suas informações lendo nosso post sobre as diferenças entre alongamento e aquecimento!

Escrito por Academia Nadarte