Os exercícios têm se categorizado em diferentes alternativas para garantir uma vida ativa. O treino funcional tem ganhado cada vez mais espaço nas academias. E a procura não é a toa! As aulas prometem diversos benefícios e um excelente apoio para quem deseja entrar em forma.

A busca pelo bom condicionamento físico não é só uma questão de estética, mas também de saúde e qualidade de vida.

Quer saber um pouco mais sobre os exercícios? Confira sobre os resultados e como é a prática desse treino!

O que é treino funcional?

Diferenciando-se da musculação tradicional, o treino funcional trabalha todos os músculos. A proposta é realizar movimentos funcionais, como agachamentos, giros e lançamentos. Diz-se que o resultado consiste no fortalecimento e equilíbrio do corpo.

Quais são os seus principais benefícios?

O treino funcional oferece diversos benefícios para quem adota essa prática. Os principais listamos a seguir. Acompanhe!

Fortalecimento

A prática permite que o corpo se torne mais forte e resistente diante do esforço e cansaço. O objetivo principal do treino funcional não é construção de músculos, como ocorre com a musculação, mas sim, preparar o corpo para ter mais resistência física.

Definição muscular

O treino funcional pode ser praticado com o auxílio de kettlebells, bolas, halteres, barras e até mesmo com o próprio peso do corpo. As atividades não estimulam o ganho de massa magra, já que a ideia é praticar movimentos em cadeias musculares, em contrapartida à musculação, que trabalha músculos isolados.

Hipertrofia

Para quem deseja hipertrofia muscular, afirma-se que o treino funcional atua de forma harmônica e sistêmica. A proposta não é garantir aumento de volume muscular, mas sim, ganho de força, resistência e flexibilidade.

O treino pode ser um apoio para otimizar a força e condicionamento físico, o que melhora os rendimentos nos treinos paralelos de levantamento de cargas, sendo uma boa estratégia para quem deseja aumentar o percentual de massa magra.

Emagrece

Uma aula de tempo médio de 50 minutos, pode queimar até 800 calorias. Categorizada como uma atividade de alta intensidade, os exercícios devem ser de curta duração, o que proporciona resultados mais significativos para quem deseja reduzir o percentual de gordura.

Frequência

Assim como ocorre em qualquer exercício físico, quanto maior a frequência, mais rápidos os resultados podem ser obtidos. O recomendado é, no mínimo 2 vezes por semana, mas é possível praticá-lo de 3 a 5 vezes. Com essa frequência, os resultados do treino funcional podem ser identificados a partir da terceira semana.

Se associado a atividades paralelas, como caminhadas e corridas, os efeitos são ainda mais notáveis.

Quais são os resultados esperados?

Os resultados esperados pelo treino funcional podem ser relativos. Há diversos fatores que podem interferir nos efeitos físicos. Se deseja resultados rápidos, deve-se investir em estratégias paralelas, como reeducação alimentar e combinação com outras atividades físicas, principalmente, aeróbicas.

A dieta é um diferencial não só para as mudanças de medidas, mas, principalmente, para a qualidade de vida. Garantir os nutrientes certos permite que o organismo se comporte de forma adequada, o que favorece o bem-estar e fortalece o sistema imunológico não só para o presente, como para o futuro.

O tempo de resultado saudável é de 3 a 4 meses. Podemos afirmar que os resultados obtidos com cautela, planejamento e acompanhamento profissional têm maior probabilidade de se tornarem efetivos.

O treino funcional vai auxiliar você a alcançar os seus objetivos e, além disso, vai incentivar práticas de uma alimentação saudável para garantir seu bem-estar e melhorar a sua qualidade de vida.

Gostou de saber um pouco mais sobre treino funcional? Deixe seu comentário e contribua com nosso espaço!

Escrito por Academia Nadarte