Você se considera uma pessoa presa a um determinado modelo estético e se sente mal com isso? Talvez ainda não saiba, mas são sérias as consequências da busca por padrões de beleza idealizados.

Infelizmente, a influência da mídia em propagandas, publicações e regras de moda deixa as pessoas desnorteadas a procura do corpo “magnífico”. O que é um grande erro, pois valorizar um estilo de vida saudável é o que nos completa de fato.

Sendo assim, acompanhe a leitura abaixo e veja algumas das consequências desenvolvidas em torno de uma representatividade difícil de alcançar!

Problemas emocionais

A princípio, as primeiras consequências da busca por padrões de beleza idealizados são os problemas emocionais como os sintomas de estresse, depressão, ansiedade, etc.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a depressão, por exemplo, atinge 12 milhões de brasileiros. Sendo um dos destinos de quem não se aceita fisicamente.

Infelizmente, com a propagação de estilos ideais de beleza, até por conta dos desfiles de moda, muitas pessoas não se veem representadas e se frustram por consequência.

Vale ressaltar também as questões dos traumas, que podem perdurar desde a infância por conta de bullying nas escolas, criando raízes limitantes em torno da estética.

Transtornos alimentares

Outro fenômeno que pode ocorrer, até mesmo por decorrência dos problemas psicológicos, é o surgimento dos temidos transtornos alimentares.

Casos como anorexia, bulimia e compulsão alimentar mexem demais com a estrutura das pessoas, que tentam se moldar de acordo com um padrão preestabelecido.

Na questão do consumo exagerado, por exemplo, até mesmo como fuga de problemas, devemos ligar o alerta sempre para evitar as consequências da obesidade.

Entenda que os nossos comportamentos e pensamentos interferem significativamente na forma como nos alimentamos. Portanto, fica o lembrete: “mente sã, corpo são”.

Abuso de substâncias nocivas

Como uma das formas de tentar se encaixar não somente nos padrões de beleza, mas fazer parte de um grupo, os vícios claramente são perigosos em todos os sentidos.

O excesso de álcool pode acumular gordura no fígado, provocar irritações no sistema digestivo, atrapalhar a síntese de proteínas, entre outros fatores que preocupam.

Além disso, o cigarro, que contém mais de 4 mil substâncias nocivas, pode gerar fortes problemas cardiorrespiratórios, impedindo você de se exercitar adequadamente.

A angústia de não chegar ao peso que você considera ideal ou ter o corpo “perfeito” pode desencadear o consumo de drogas, que potencializam os problemas de saúde.

Risco de acidentes e lesões

Por mais que você tenha um objetivo muito claro em relação ao corpo que deseja, isso não quer dizer que deva desrespeitar os limites do seu organismo.

Treinar em uma academia vai muito além de uma busca desenfreada pela melhor estética, mas sim a intenção de ter qualidade de vida.

É indispensável que você respeite o tempo de descanso entre os treinos, até porque a busca por padrões idealizados pode levar você a ter lesões sérias.

O acompanhamento médico e de profissionais dedicados na academia é crucial para que você não exagere e, com isso, siga um ritmo dentro das dificuldades que suporta.

Em resumo, para evitar as consequências da busca por padrões de beleza idealizados, torna-se crucial que você quebre paradigmas, aceite-se e cuide da saúde em 1º lugar.

Bom, se você gostou deste artigo e quer ficar de olho em outras postagens, então aproveite a ocasião e curta nossa página no Facebook!

Academia Nadarte
Escrito por Academia Nadarte