O primeiro dia na academia a gente nunca esquece. São vários exercícios e novas informações que podem transformar qualquer entusiasmo em um mar de dúvidas sobre a musculação.

Desde a maneira de executar os exercícios até o uso correto da carga e a divisão de treinos na semana, é comum o iniciante se sentir sobrecarregado e “perdido” no mundo fitness.

E mesmo com professores à disposição, ainda pode ser complicado organizar todas as ideias e ter uma segurança nos primeiros dias de prática.

Para que você não se sinta assim, criamos este post com algumas dicas que serão muito úteis em seu primeiro dia na academia. Continue a leitura e confira!

1. Faça uma avaliação funcional

O primeiro passo para iniciar bem na musculação é realizar uma boa avaliação funcional. Com ela, você saberá seu percentual de gordura e todas as suas principais medidas.

Além disso, serão apresentados seus desvios posturais mais importantes, o que demonstrará seus desequilíbrios musculares e principais pontos a serem trabalhados na musculação.

Essa é uma ferramenta indispensável para seu professor de educação física. Somente a partir da avaliação é que ele criará um treinamento seguro e totalmente funcional para você.

Evitar essa etapa é colocar em risco sua saúde e, principalmente, o acompanhamento dos seus resultados estéticos — que normalmente é o objetivo principal de cada praticante!

2. Aprenda os movimentos antes de aumentar a carga

Iniciou agora na musculação? Evite aumentar a carga! Só treine com mais peso quando sentir total segurança na execução.

Pode levar algumas semanas para que seu corpo (principalmente seu sistema nervoso) se adapte aos novos movimentos.

Aumentar o peso nesse período inicial pode colocar em risco suas articulações. Assim, há mais chances de você sentir dores e até sofrer algum tipo de lesão.

Saiba que a amplitude e a forma de execução podem ser mais importantes do que o próprio peso utilizado para quem deseja hipertrofia (aumento da massa muscular).

3. Defina objetivos realistas

Entrar na sala de musculação imaginando ter abdômen tanquinho ou ganhando dez quilos de massa muscular em três meses são duas receitas para o fracasso.

Dificilmente um iniciante conseguirá resultados tão expressivos. E, na quebra dessa expectativa, quase sempre vem a desistência.

A solução para o seu progresso é você ter uma conversa franca com seu professor de educação física.

Com sua avaliação funcional em mãos, será possível traçar um plano adequado para sua evolução.

A alimentação e a instauração de hábitos saudáveis são essenciais para os seus resultados — sem nutrição adequada, nenhum objetivo será atingido!

4. Procure um nutricionista

Não sabe o que comer para ganhar massa ou para perder peso? Procure um nutricionista!

Aliar esse profissional aos seus treinos de musculação é o melhor jeito de manter a saúde em dia e ter a certeza de que seus resultados vão chegar.

Você não gastará uma nota preta em suplementos desnecessários e terá total confiança e tranquilidade no seu processo de emagrecimento ou ganho de massa muscular.

Outro ponto importante é que a dieta é um dos principais responsáveis pela recuperação muscular após o treino — fator essencial para hipertrofia.

5. Evite horários de pico

Para o iniciante, treinar com muitas pessoas pode ser prejudicial.

Como o conhecimento ainda é pequeno sobre os exercícios e os aparelhos, é esperada certa dificuldade na execução e nos ajustes das máquinas.

Em horários de pico, o treino pode perder qualidade, especialmente se houverem muitos revezamentos ou dificuldades para iniciar os movimentos.

Para evitar o desconforto, agende seus treinos para quando a academia está mais vazia: pela manhã ou por volta do horário de almoço. A movimentação costuma ser maior à noite.

Com essas dicas, acreditamos que você iniciará sua jornada rumo ao corpo ideal com o “pé direito”. Basta aplicar todo este conteúdo no seu cotidiano.

Gostou das nossas dicas para o primeiro dia na academia? Assine a nossa newsletter e receba os nossos materiais em primeira mão no seu e-mail!

Escrito por Academia Nadarte