praticar atividades físicas

Praticar atividades físicas tem se tornado um hábito de muitas pessoas, que buscam, além de ficar em forma, ter mais saúde e disposição.

Uma das primeiras dúvidas que surgem quando se decide fazer algum esporte é em relação à frequência com que ele deve ser executado. Exercitar-se de forma esporádica acarreta riscos à saúde, da mesma maneira que não deixar o corpo descansar entre os treinamentos também é prejudicial.

Para ajudar, desenvolvemos este post, explicando qual quantidade de exercícios é a ideal para ter um impacto positivo na saúde! Acompanhe.

O que é preciso para se exercitar com segurança?

O primeiro passo, antes de iniciar qualquer atividade física, é fazer um checkup para verificar se o corpo encontra-se em perfeitas condições. Para pessoas com mais de 30 anos, é interessante realizar também um eletrocardiograma.

O segundo passo é fazer uma avaliação com um professor de educação física e depois decidir quais exercícios pretende praticar, procurando uma academia especializada.

É fundamental que se tenha o acompanhamento de um profissional qualificado para que a atividade física seja praticada com segurança.

Por que se exercitar somente nos finais de semana não é recomendado?

Muitas pessoas não conseguem encaixar a atividade física na rotina semanal e acabam aderindo a ela somente nos finais de semana. Contudo, essa prática é muito perigosa e pode trazer sérios problemas ao organismo.

O motivo é que o corpo não consegue se acostumar com a atividade física quando ela é praticada somente aos sábados e domingos. A consequência é uma sobrecarga do coração e dos demais músculos, podendo ocasionar lesões ou infarto. 

Por isso, quem tem somente os finais de semana livres deve consultar um especialista para que ele ajude a montar um programa em que o corpo não seja tão exigido.

Uma boa ideia é diversificar as musculaturas e exercícios trabalhados em cada dia e também não realizar atividades de alta intensidade. 

Qual é a frequência com que se deve praticar atividades físicas?

O indicado para a prática de exercícios físicos musculares é de, no mínimo, duas vezes por semana. Já as atividades físicas aeróbicas devem ser realizadas todos os dias por, pelo menos, 30 minutos.

Caso o exercício realizado seja intenso e passe dos 30 minutos, é necessário descansar no dia subsequente ou realizar alguma atividade que exercite outras partes do corpo. O legal é intercalar diferentes tipos de exercícios:

  • treino de força: terças e quintas;
  • natação: segundas e quartas;
  • corrida: sábados.

Para manter uma boa saúde, é preciso se exercitar pelo menos duas horas e meia por semana, em intensidade moderada, não importa qual seja a atividade escolhida! Esse tempo pode ser fracionado de acordo com a capacidade física de cada um e aumentado também.

A intensidade do exercício interfere na frequência? 

A intensidade do exercício interfere, sim, na frequência. Se alguém pratica uma atividade em alta intensidade, o tempo de descanso para a recuperação da musculatura e do organismo deve ser maior.

Para pessoas que estão paradas, o início deve ser mais leve, aumentando a dificuldade com o passar dos dias.

É importante salientar que todas as atividades possuem níveis de progressão. Por exemplo, quem deseja iniciar-se na corrida deve começar caminhando, depois intercalando corrida e caminhada até conseguir correr o tempo todo. 

Para conseguir melhores resultados, é interessante consultar um profissional de educação física que possa passar um programa de treinamento completo, com os devidos desenvolvimentos de cada exercício.

Exercitar-se é essencial para manter o bem-estar e a qualidade de vida, com as doenças afastadas. Para fazer isso com qualidade é importante ter o acompanhamento correto. Escolha a atividade que mais desperta o seu interesse e comece agora mesmo!

Agora que você já sabe um pouco sobre a frequência com que se deve praticar atividades físicas, que tal descobrir 5 maneiras de diminuir a pressão arterial e manter o sedentarismo e as doenças longe? 

Academia Nadarte
Escrito por Academia Nadarte