A gente transpira muito para perder aqueles quilinhos a mais, não é mesmo? Corrida, musculação e outras atividades físicas, dietas, etc. Muitas vezes, por motivos estéticos. Mas o que nem todos sabem é que o acúmulo de gordura na região abdominal pode prejudicar nossa saúde.

Se você se identifica com esse grupo que tenta, tenta, mas não consegue emagrecer, saiba agora alguns porquês disso acontecer. Além disso, conheça algumas alternativas para queimar calorias e reduzir a gordura abdominal! Vamos em frente?

Saiba se você está acima do peso

A obesidade e o excesso de peso são males que atingem inúmeras pessoas, mas os transtornos podem ir além de problemas metabólicos. A gordura localizada na região do abdômen pode gerar problemas sérios de saúde, por isso, é necessário se livrar dela.

Localizada ao redor da cintura, ela pode ser facilmente medida com a utilização de uma fita métrica. Para homens, a preocupação se inicia com medidas acima de 102 centímetros. No caso de mulheres, acima de 88 centímetros.

Mantenha uma dieta saudável

O nome “dieta” pode parecer desmotivador, mas seguir uma rotina alimentar é um dos segredos para perder peso.

Tente fugir de alimentos ricos em gorduras, sal e açúcares. Em excesso, eles não contribuem nutricionalmente e podem prejudicar, e muito, o seu organismo. 

Procure tomar sucos naturais, adoçantes, frutas, verduras e substitua alguns alimentos para não perder a linha.

Faça exercícios abdominais…

Há quem fuja deles, mas é importante destacar a importância dos exercícios abdominais para a eliminação da gordura localizada. Com eles, você pode enrijecer os músculos da região e melhorar a tonificação. 

Entre os exercícios mais populares, há o supra, o infra e os laterais. Faça-os antes ou depois do treino, mas não se esqueça de variar. Até mesmo a utilização de cargas é válida.

…mas não se esqueça dos aeróbicos

Esses são os exercícios mais completos para redução de percentual total de gordura corporal. Logo, são propícios à redução da circunferência abdominal.

A sua academia provavelmente oferece aparelhos como esteiras, elípticos, transports, escadas, ou até mesmo bicicleta e aulas coletivas. Então não foque apenas na musculação.

Pratique, pelo menos, 30 minutos diariamente, e conheça algumas técnicas como o treino Tabata, HIT, entre outros que podem otimizar a queima de calorias.

Invista nas proteínas

Você pode achar que ficar bombado não é a sua praia, mas saiba que ganhar músculos é uma excelente opção para quem deseja perder peso. Treinar pesado (da maneira correta, claro) não significa, necessariamente, que você ganhará muito volume.

Por isso, coma proteínas, nutrindo melhor os meus músculos. Assim, você estará mais perto de conquistar seus objetivos. Elas são convenientes para a perda de peso, e podem contribuir com o seu metabolismo, permitindo que ele queime de 80 a 100 calorias a mais.

Coma saladas e fibras

Os alimentos ricos em fibras e saladas podem ser excelentes aliados para reduzir o percentual de gordura. Eles fornecem nutrientes importantes e ainda mantém o corpo saciado por um maior período de tempo, o que reduz a possibilidade de você comer calorias extras.

As fibras podem contribuir com o funcionamento do intestino, favorecendo a eliminação de toxinas indesejáveis ao corpo, desintoxicando-o e reduzindo o volume desnecessário na região da barriga.

Peça ajuda aos profissionais

Tão importante quanto investir na eliminação da gordura abdominal, é buscar profissionais qualificados e uma academia que ofereça estrutura e qualidade. Essa é a melhor maneira de garantir que você não terá problemas de saúde e lesões. 

Além de diminuir a gordura abdominal, nada melhor que ter qualidade de vida, certo?

Se você gostou desse artigo e deseja ficar por dentro das nossas novidades, assine a nossa newsletter e receba sempre os nossos conteúdos.

Escrito por Academia Nadarte